risoto de espargos e tomate seco

Prometo que esta é a última receita de espargos este ano. Até porque entretanto a minha cozinha já se encheu de favas, ervilhas, couve-flor, espinafres… Parece a secção de legumes do supermercado!

Gosto muito de tomates secos e acho-os um ingrediente muito interessante e prático. Não têm a acidez e a frescura dos tomates frescos e por isso para mim são assim uma espécie de tomates de inverno. Infelizmente nem sempre os encontro e não são propriamente baratos. Este ano, quando chegar a altura vou tentar seca-los em casa no forno – ao sol já é pedir de mais! (mas também digo isto há anos, por isso não se fiem muito…)

Os que usei nesta receita são de compra e de pacote, completamente desidratados. Mas também podem usar dos que vêm em frasco, conservados em óleo ou azeite.

O risoto de espargos é daquelas coisas que eu adoro mas normalmente faço ou só com espargos ou juntado cogumelos. Nunca tinha experimentado esta combinação com tomate seco. Gostei bastante porque são sabores que contrastam e se equilibram.

IMG_2283

  • 200g de espargos
  • 7 tomates secos
  • 1 cebola pequena picada
  • 270g de arroz para risoto
  • 1 litro de água
  • 1 cubo de caldo de legumes
  • 1 c. de chá de levedura de cerveja (opcional)
  • 1 c. de sopa de margarina vegan
  • 1 fio de azeite
  • sal q.b.IMG_2300
  1. Comece por picar finamente a cebola e cortar os tomates em pedaços pequenos e os espargos em pedaços de cerca de 2 cm (corte as pontas mais duras e reserve-as.
  2. Aqueça um litro de água temperada com uma pitadinha de sal e ferva os espargos durante três minutos. Retire-os da água, passe imediatamente por água fria e reserve. Coloque os floretes de parte
  3. Da água onde cozeu os espargos, junte um cubo de caldo de legumes e as pontas duras dos espargos que tinha reservado, mantenha em lume muito brando.
  4. Aqueça um fio de azeite e junte a cebola e os tomates. Deixe cozinhar em lume brando, só até a cebola ficar transparente.
  5. Junte o arroz e envolva bem no azeite.
  6. Vá juntado conchas da água e deixe evaporar até acrescentar mais, mexendo frequentemente.
  7. Quando só tiver cerca de duas conchas de água, junte os espargos (sem os floretes) reservados. Envolva bem e termine a cozedura do arroz.
  8. Antes de servir, junte uma noz de margarina e a levedura de cerveja.
  9. Coloque os floretes dos espargos por cima do arroz, já no prato.

espargos

IMG_2294

Anúncios

2 comentários sobre “risoto de espargos e tomate seco

  1. Adoro espargos! Mas ainda não os comi este ano, não consigo aceitar o preço astronómico, e não fui uma das felizes contempladas que soube deles em promoção no LIDL a tempo.
    Risotto de espargos é tão bom! Tenho de procurar por uns, urgentemente!
    Eu só provei tomate seco em azeite, e se antigamente não era um sabor que gostasse, agora não passo sem ele, se tão aromático e interessante 🙂
    Óptima sugestão! Venham mais com espargos, eu cá não me importo nada!
    Teresa | A Cozinha da Ovelha Negra

    Curtir

    1. Pois estes vieram precisamente dessa famosa promoção! Para a próxima aviso logo, estou sempre em cima desses acontecimentos! 😉
      Também adoro esses em azeite, mas os de pacote são mais práticos para guardar e rendem muito!
      Beijo e boa semana!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s