bolonhesa de avelãs

Eu sei que é esquisito. Eu própria não estava muito convencida… Mas podem confiar, é bom e não sabe a bolos nem nada do género!
Esta é daquelas receitas “tenho mesmo de experimentar” mas mais por curiosidade do que por achar que seria mesmo bom. Mas é. Aliás, dada a quantidade de avelãs que ainda tenho e contando que o próximo ano será idêntico, parece-me que este passará a ser um clássico cá em casa, principalmente para almoços de família e jantares de amigos!
Não é nada trabalhoso (especialmente para quem compre as avelãs já sem casca) mas é um pouquinho demorado. A bolonhesa – ragu, como chamam os italianos – deve sempre demorar um bocadinho (ou muito) para que o molho fique bem apurado. Por isso é que as mammas e as nonnas têm essa imagem de marca, sempre a mexerem o tacho do ragu. É que podem levar horas nisso! Nesta isso é particularmente importante. O sabor depois de uma hora ao lume, é muito melhor do que aos vinte minutos! Mas aqui não são precisas várias horas, basta uma!
A receita original, indicava cogumelos porcini. Como não tinha nem encontrei nos supermercados aqui perto, usei uns cogumelos brancos que tinha em casa. Se ficou bom assim, imagino com os porcini que são muito mais saborosos!
Adaptada do blog Al Cibo Commestible.

IMG_0003

200g de avelãs tostadas (tostar no 20 minutos a 150º)

1 cebola roxa

1 alho francês

2 cenouras

500ml de polpa de tomate

2 chávenas de água

3 cogumelos brancos, grandes

1 fio de azeite

1 pitada de sal

2 raminhos de alecrim (picados)

IMG_0005

  1. Num processador, moa as avelãs até ficarem um granulado (bimby: 2 golpes de turbo)
  2. Aproveite o processador para picar a cebola, as cenouras, o alho francês e os cogumelos.
  3. Num tacho, aqueça um fio de azeite, junte as verduras e deixe refogar alguns minutos até amolecerem.
  4. Junte as avelãs moídas, a polpa de tomate, a água, o sal e o alecrim picado.
  5. Envolva bem e deixe cozinhar em lume muito brando, cerca de uma hora, com o tacho tapado (bimby: 60’, 100º, vel. colher, inv.).
  6. Mexa o tacho constantemente, para não deixar agarrar no fundo.

IMG_3953

Anúncios

2 comentários sobre “bolonhesa de avelãs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s