Manteiga de avelãs

As avelãs são uma das coisas boas que traz o fim do Verão – há que ver o lado bom de todas as coisas! As oleaginosas, como as avelãs, são preciosas na dieta vegan, já que são ricas em proteínas, ferro e boas gorduras. De todos os frutos secos, as avelãs são as minhas preferidas e ainda bem, porque são também as que mais abundam por aqui! Desde que descobri esta receitinha, apanhar avelãs ganhou ainda mais sentido e tornou-se quase numa missão!

Esta pasta pode ser feita com qualquer oleaginosa (nozes, amêndoas…) uma vez que o princípio é sempre o mesmo: ao serem moídas, os óleos vão-se soltando, ganhando uma consistência semelhante à da margarina. Além de ser uma forma muito saborosa de consumir mais frutos secos, é também uma alternativa, infinitamente mais saudável, às manteigas e margarinas comuns e mesmo às compotas e geleias para barrar o pão.

Confesso que a primeira vez que tentei fazer manteiga de avelã, no meu antigo robot, não consegui fazer com que passasse da fase de areia… Não sei bem porquê já que, ao que parece, não é preciso ter um processador xpto… Entretanto uma amiga fez-me a pasta na Yammi. Não sei bem quanto tempo demorou, mas ficou perfeita. Agora faço na Bimby e é num instante. Aliás, se quiser só moer as avelãs para ficar em areia, deve ter cuidado porque rapidamente começam a soltar o óleo nestas máquinas.

A parte mais chata do processo é mesmo britar as avelãs… Felizmente tenho quem o faça por mim, durante os jogos do Benfica!

  • 200g de avelãs sem casca
  • Uma pitada de sal marinho

IMG_1873

  1. Coloque as avelãs espalhadas num tabuleiro e leve ao forno pré-aquecido a 170º, cerca de 20 minutos
  2. Transfira as avelãs para um pano de cozinha limpo.
  3. Dobre o pano e esfregue as avelãs durante cerca de um a dois minutos para soltar as peles. A grande maioria das peles deve sair assim. As mais teimosas podem ser raspadas com a ajuda de uma colherzinha de café.
  4. Transfira as avelãs peladas para o processador
  5. Moa as avelãs até ficarem com a consistência de uma pasta meio líquida. O tempo pode variar dependendo do processador que usar (Bimby: 2 minutos vel. 4 e progressivamente até 7 + 10 segundos vel. 10). Vá parando para empurrar o que se vai colando nas paredes do copo.
  6. Transfira para um frasco esterilizado e guarde no frigorífico

Nota: Para esterilizar os frascos, ferva-os em água durante cerca de 15 minutos.IMG_1865

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s